sexta-feira, dezembro 14, 2007

O Sobrevivente


O cineasta alemão Werner Herzog é um grande estudioso do comportamento humano diante de seu próprio limite. Perfeccionista, obsessivo, Herzog gosta de analisar o tema em documentários e longas de ficção com a mesma intensidade. Em O Sobrevivente (Rescue Dawn, 2006), ele se inspirou no documentário de sua autoria Little Dieter Needs to Fly para contar a história real de um piloto alemão a serviço dos EUA, que lutou pela vida numa prisão caótica no coração da selva do Laos.

Nesta rara contribuição para o cinema americano, no entanto, Herzog continua Herzog. E a confirmação em si já torna o filme obrigatório. Às vésperas da Guerra do Vietnã, o piloto Dieter Dengler (Christian Bale) entra na Marinha dos EUA só para ter o prazer de voar. Ele não está nem aí para o conflito. Mas se a idéia do primeiro vôo do rapaz surge como sinal de sorte, ele descobre ser um grande azarado. Com o avião abatido, ele corre pela selva em busca de um ponto onde possa pedir por socorro. Não demora muito e ele é capturado, torturado e confinado numa prisão suja ao lado de outros infelizes. Ao observar que tem mais gente ali na mesma situação e há muito mais tempo, Dieter percebe que ninguém virá buscá-lo. É hora de fugir.

Tradicionalmente, um filme americano apostaria na correria, na ação. Herzog não. E nem por isso deixa de dominar a atenção do público. Como costuma fazer, sua câmera está ali acompanhando o drama dos personagens, mas jamais se envolve. Não chega a ser frieza, porque Herzog exige muito de seus atores. É por eles que nos preocupamos. Mesmo como simples observadores, que não podem fazer nada para ajudar. Neste ponto, a contribuição de Christian Bale é enorme. Como ele emagrece descontroladamente durante o filme, lembramos de sua atuação chocante em O Operário. Mas em O Sobrevivente, Bale não explora somente a degradação física. Aqui, ele é puro coração. É sua alma que vai desaparecendo aos poucos. Perto do final, parece que seu Dieter Dengler está tão próximo da flora e da fauna, que chega a ser plausível considerarmos o piloto sofredor como parte de um só organismo.

Não espere nada de hollywoodiano em O Sobrevivente. Se o final parece convencional é porque se trata de uma história real. É um filme lento sobre sobrevivência. Você vai ver que poucas vezes o cinema mostrou como é ficar no meio do mato. Dá para sentir o "cheiro" da selva. É esse realismo que Herzog trabalha tão bem em sua filmografia.

Se tenho uma ressalva em O Sobrevivente é que parece que já vimos essa história por várias vezes no cinema. A diferença é que não cai no clichê tentador da ação. Christian Bale está em um grande momento e o tom do filme não é patriota. É a saga deste homem, que sonhava com o céu, mas que ficou íntimo da terra.

É um bom filme, mas não excelente. Até mesmo porque fica a sensação de que o próprio Herzog já impressionou mais. Só que é um comentário injusto. Ele já fez Aguirre - A Cólera dos Deuses, Fitzcarraldo e uma releitura de Nosferatu. Acho que grandes diretores devem, no mínimo, apresentar bons filmes. Pelo nível do cinema atual, isso basta.

O Sobrevivente (Rescue Dawn, 2006)
Direção: Werner Herzog
Roteiro: Werner Herzog
Elenco: Christian Bale, Steve Zahn, Jeremy Davies, François Chau e Craig Gellis

5 Comments:

At 2:01 AM, dezembro 15, 2007, OpenID cinevita said...

De Herzog, vi apenas O Homem Urso, e gostei bastante. Bale sempre me cativou.

E sim, hoje vi Um Corpo Que Cai...maravilhoso.

Ciao!

 
At 11:21 AM, dezembro 15, 2007, Blogger Otavio Almeida said...

Vc viu no TCM? Eu estava revendo o meu DVD de UM CORPO QUE CAI, mas não terminei. Quando parei, fiquei trocando de canais e parei no TCM e lá estava. Esqueci que ia passar ontem.

Abs!

 
At 8:37 PM, dezembro 15, 2007, Blogger Kamila said...

A sua é uma opinião bem diferente da que li em outro blog.

Espero poder conferir o filme para dar minha opinião também.

E, sem querer me meter na discussão de vocês, também assisti a "UM CORPO QUE CAI". E hoje verei, finalmente, o grande épico "LAWRENCE DA ARÁBIA".

Beijos.

 
At 6:38 PM, dezembro 16, 2007, OpenID Vinícius P. said...

Essa filme ainda não chegou por aqui (como sempre), mas estou bem curioso para esse novo filme do Herzog (seu documentário foi um dos melhores do ano passado). E o Bale sempre é um ator competente, pena que ainda não foi reconhecido - dentre suas atuações marcantes, destaco "Psicopata Americano" e o próprio "O Operário". E dizem que a fotografia tem chances no Oscar, o que você acha?

 
At 9:29 PM, dezembro 16, 2007, Blogger Otavio Almeida said...

Que blog, Kamila? Que opinião? Bjs!

Vinicius, eu não sei sobre as chances da fotografia de O SOBREVIVENTE no Oscar. Ela busca o real. Não é nada deslumbrante. Abs!

 

Postar um comentário

<< Home