quinta-feira, dezembro 13, 2007

Onde o Oscar não tem vez

Nesta manhã de quinta-feira, os atores Dane Cook, Hayden Panettiere, Ryan Reynolds e o diretor Quentin Tarantino anunciaram as indicações a 65ª edição do Globo de Ouro.

Desejo e Reparação é o filme com mais indicações (sete): Filme Dramático, Diretor (Joe Wright), Roteiro, Ator Dramático (James McAvoy), Atriz Dramática (Keira Knightley), Atriz Coadjuvante (Saoirse Ronan) e Trilha Sonora.

Em comédia/musical, tudo caminha para um tardio reconhecimento à criatividade do diretor Tim Burton, que parece ter acertado em Sweeney Todd.

Comento a lista de indicados mais tarde, ok? Obviamente, tenho prós e contras. Mais contras do que prós. A cerimônia de entrega do Globo de Ouro acontece no dia 13 de janeiro de 2008.


Veja a relação completa abaixo:


Melhor Filme (Drama)


Desejo e Reparação
O Gângster
Senhores do Crime
Onde os Fracos Não Têm Vez
Conduta de Risco
There Will Be Blood
The Great Debaters


Melhor Filme (Comédia ou Musical)

Across the Universe

Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet
Hairspray
Juno
Jogos do Poder


Melhor Diretor

Tim Burton, Sweeney Todd
Joel Coen & Ethan Coen, Onde os Fracos Não Têm Vez
Julian Schnabel, O Escafandro e a Borboleta
Ridley Scott, O Gângster
Joe Wright, Desejo e Reparação

Melhor Roteiro

Diablo Cody, Juno
Joel Coen & Ethan Coen, Onde os Fracos Não Têm Vez
Christopher Hampton, Desejo e Reparação
Ronald Harwood, O Escafandro e a Borboleta
Aaron Sorkin, Jogos do Poder

Melhor Ator (Drama)

George Clooney, Conduta de Risco
Daniel Day-Lewis, There Will Be Blood
James McAvoy, Desejo e Reparação
Viggo Mortensen, Senhores do Crime
Denzel Washington, The Great Debaters

Melhor Atriz (Drama)

Julie Christie, Away From Her
Cate Blanchett, Elizabeth - A Era de Ouro
Jodie Foster, Valente
Angelina Jolie, O Preço da Coragem
Keira Knightley, Desejo e Reparação

Melhor Ator (Comédia ou Musical)

Johnny Depp, Sweeney Todd
Tom Hanks, Jogos do Poder
Ryan Gosling, Lars and the Real Girl
Philip Seymour Hoffman, The Savages
John C. Reilly, Walk Hard: The Dewey Cox Story

Melhor Atriz (Comédia ou Musical)

Amy Adams, Encantada
Nikki Blonsky, Hairspray
Ellen Page, Juno
Marion Cotillard, Piaf - Um Hino ao Amor
Helena Bonhan Carter, Sweeney Todd

Melhor Ator Coadjuvante

Casey Affleck, O Assassinato de Jesse James Pelo Covarde Robert Ford
Javier Bardem, Onde os Fracos Não Têm Vez
Philip Seymour Hoffman, Jogos do Poder
John Travolta, Hairspray
Tom Wilkinson, Conduta de Risco

Melhor Atriz Coadjuvante

Cate Blanchett, I'm Not There
Saoirse Ronan, Desejo e Reparação
Julia Roberts, Jogos do Poder
Amy Ryan, Medo da Verdade
Tilda Swinton, Conduta de Risco

Melhor Filme Estrangeiro

4 Meses, 3 Semanas, 2 Dias (Romênia)
O Escafandro e a Borboleta (França/EUA)
O Caçador de Pipas (EUA)
Lust, Caution (Taiwan)
Persepolis (França)

Melhor Animação

Bee Movie
Ratatouille
Os Simpsons - O Filme

Melhor Trilha Sonora

Dario Marianelli, Desejo e Reparação
Howard Shore, Senhores do Crime
Clint Eastwood, Grace is Gone
Michael Brook, Into the Wild
Alberto Iglesias, O Caçador de Pipas

Melhor Canção

Despedida, O Amor nos Tempos do Cólera (Música: Shakira e Antonio Pinto / Letra: Shakira)
Grace is Gone, Grace is Gone (Música: Clint Eastwood / Letra: Carole Bayer Sager)
Guaranteed, Into the Wild (Música e Letra: Eddie Vedder)
That's How You Know, Encantada (Música e Letra: Alan Menken)
Walk Hard, Walk Hard: The Dewey Cox Story (Música e Letra: Marshall Crenshaw, John C. Reilly, Judd Apatow)

Melhor Série de TV (Drama)

Big Love
Damages
Grey's Anatomy
House
Mad Men
The Tudors


Melhor Série de TV (Comédia)


30 Rock
Californication
Entourage
Extras
Pushing Daisies


Melhor Minissérie ou Filme Feito Para a TV

Bury My Heart at Wounded Knee
The Company
Five Days
Logford
The State Within


Melhor Ator em Série de TV (Drama)

Michael C. Hall, Dexter
Jon Hamm, Mad Men
Hugh Laurie, House
Jonathan Rhys Meyers, The Tudors
Bill Paxton, Big Love

Melhor Atriz em Série de TV (Drama)

Patricia Arquette, Medium
Glenn Close, Damages
Minnie Driver, The Riches
Eddie Falco, Família Soprano
Sally Field, Brothers & Sisters
Holly Hunter, Saving Grace
Kyra Sedgwick, The Closer

Melhor Ator em Série de TV (Comédia)

Alec Baldwin, 30 Rock
Steve Carell, The Office
David Duchovny, Californication
Ricky Gervais, Extras
Lee Pace, Pushing Daisies

Melhor Atriz em Série de TV (Comédia)

Christina Applegate, Samantha Who?
America Ferrera, Ugly Betty
Tina Fey, 30 Rock
Anna Friel, Pushing Daisies
Mary-Louise Parker, Weeds

Melhor Ator em Minissérie ou Filme Feito Para a TV

Adam Beach, Bury My Heart at Wounded Knee
Ernest Borgnine, A Grandpa For Christmas
Jim Broadbent, Longford
Jason Isaacs, The State Within
James Nesbitt, Jekyll

Melhor Atriz em Minissérie ou Filme Feito Para a TV

Bryce Dallas Howard, As You Like It
Debra Messing, The Starter Wife
Queen Latifah, Life Support
Sissy Spacek, Pictures of Hollis Woods
Ruth Wilson, Jane Eyre (Masterpiece Theatre)

Melhor Ator Coadjuvante em Série de TV, Minissérie ou Filme Feito Para a TV

Ted Danson, Damages
Kevin Dillon, Entourage
Jeremy Piven, Entourage
Andy Serkis, Longford
William Shatner, Justiça Sem Limites
Donal Sutherland, Dirty Sexy Money

Melhor Atriz Coadjuvante em Série de TV, Minissérie ou Filme Feito Para a TV

Rose Byrne, Damages
Rachel Griffiths, Brothers & Sisters
Katherine Heigl, Grey's Anatomy
Samantha Morton, Longford
Anna Paquin, Bury My Heart at Wounded Knee
Jaime Pressly, My Name is Earl

12 Comments:

At 4:13 PM, dezembro 13, 2007, Blogger Vinícius P. said...

Apesar de adorar todas essas indicações para "Desejo e Reparação", não gostei muito da ausência (nas categorias principais) de "Into the Wild" - acho que ficou difícil para o Oscar agora (ainda que deva vencer o prêmio de canção). Essa indicação para "Across the Universe" também foi surpreendente, mas acho que o filme não vai muito longe. Quanto às categorias de TV, estou irritado pela ausência de "Dexter" entre as séries dramáticas, mas a presença de "Pushing Daisies" e "30 Rock" compensa.

Abraço!

 
At 4:26 PM, dezembro 13, 2007, Blogger Otavio Almeida said...

É, Vinicius! Não é à toa que o Critics' Choice Awards tem sido mais "termômetro" para o Oscar do que o Globo de Ouro.

E não é à toa que o Oscar é o Oscar. Enquanto o Globo de Ouro é "apenas" a prévia do Oscar.

O que me diz de SETE filme indicados na categoria de drama? Qual é o critério?? Se podem 7, também podem 8, 9...

Abs!

 
At 5:31 PM, dezembro 13, 2007, Blogger Vinícius P. said...

Otavio. Eles deviam ter algum critério para desempate! No Oscar isso jamais ocorreria, não nos dias de hoje - já aconteceu, mas há séculos atrás. Acho que o prêmio perde parte de sua credibilidade com esse exagero de indicados numa única categoria - sem falar que me deixou ainda mais indeciso quanto aos palpites para o Oscar. E como "Into the Wild" não conseguiu entrar numa lista de SETE filmes? Absurdo...

 
At 5:43 PM, dezembro 13, 2007, Blogger Otavio Almeida said...

Vinicius, eu acho que ficaram bravos porque o Sean Penn não apareceu para receber o prêmio de Melhor Ator Dramático, em 2004, por MYSTIC RIVER. O Clint Eastwood recebeu por ele. Sei lá... Será que tem alguma explicação?

Sei que vc não viu INTO THE WILD ainda, mas numa lista de 7?? SETE??? E não entrar? Bom...

Mas, enfim, acompanho o comentário da Kamila lá no blog da gloriosa Ana Maria Bahiana. Acho que o Critics' Choice Awards aumenta sua fama de "termômetro do Oscar" a cada ano que passa. E com mais precisão.

Sobre o Globo de Ouro como "prévia do Oscar", lembre-se de que CRASH não foi indicado ao Globo de Melhor Filme nem Direção. E desde 2003 (com O SENHOR DOS ANÉIS - O RETORNO DO REI) que o Oscar não bate com o Globo de Melhor Filme (seja drama, comédia, ou musical).

Abs!

 
At 5:53 PM, dezembro 13, 2007, Blogger Kamila said...

Otavio, acho que isso do Eastwood receber pelo Penn o GG não tem nada a ver, até porque o Sean Penn nunca foi ao Oscar antes e isso não o impediu de vencer o prêmio da Academia. "Into the Wild" não foi indicado ao GG porque a HFPA não quis. É simpes assim.

A lista desse ano do GG foi mais ou menos, na minha opinião. Em cinema, acho que os maiores equívocos foram indicar filmes que não têm futuro nessa award season, como "The Great Debaters" e "Across the Universe", e ignorar filmes como "Into the Wild" e "Knocked Up", por exemplo, que tiveram uma trajetória bem mais interessante do que os dois filmes que eu citei.

Acho que Laura Linney pode dar adeus ao Oscar.

E, em TV, imperdoável as ausências de Felicity Huffman e Marcia Cross. E vai ser uma briga de cachorro grande entre Glenn Close, Kyra Sedgwick e Sally Field pelo GG de melhor atriz em série de drama.

Beijos.

 
At 6:22 PM, dezembro 13, 2007, Blogger Otavio Almeida said...

Pode ser, Kamila. Acho que o Globo de Ouro está velho e gagá. Com exceção da Ana Maria Bahiana, que mostrou um show de coerência e responsabilidade nos votos que ela divulgou no blog.

Enfim, acho que o Globo distribui prêmios para DESEJO E REPARAÇÃO e SWEENEY TODD. Tim Burton deve ganhar como Melhor Diretor.

Bjs!

 
At 7:24 PM, dezembro 13, 2007, Blogger Kamila said...

Otavio, estes dois filmes que você citou são os mais beneficiados com essas indicações. Devem ganhar os prêmios principais, respectivamente, em Drama e Comédia e Musical e chegarão com tudo no Oscar - tendo em vista que devem ser os filmes mais indicados ao prêmio da Academia.

Beijos.

 
At 10:16 PM, dezembro 13, 2007, Anonymous Wally - Cine Vita said...

Vou esperar seus comentários para comentar, mas fiquei um pouco indignado com certas ausências e alguns exageros: 7 indicações em filme drama! Isso não é uma premiação profissional, e perde muita relvância com isso...

 
At 1:22 AM, dezembro 14, 2007, Blogger Victor Nassar said...

Sensacional mesmo seria se chegasse na premiação e nos deparassemos com "E o prêmio de Diretor vai para...Tim Burton e Irmãos Coen! Parabéns aos 2!!!"

Já que chegamos a 7 indicações sem maiores motivos, pra começarem a dividir prêmios é um pulo.

Abs!

 
At 10:42 AM, dezembro 14, 2007, Blogger Marcus Vinícius said...

Bah, não vi quase nada, mas vou chutar no "Onde os fracos não tem vez" e em "Sweeney Tood". Nos seriado eu vou nos de sempre, House e Hank Moody na cabeça! =D
Abraços!

 
At 3:32 PM, dezembro 14, 2007, OpenID Vinícius P. said...

Otavio. Sabe que eu acho que isso que você falou do Sean Penn tem muito a ver? Os votantes nunca foram muito fã dele - não seria agora que apoiariam um projeto pessoal como diretor. Enfim, acho que "Sweeney Todd" tem grande chances de vencer entre as comédias, mas por enquanto aposto em "No Country for Old Men" nos dramas - "Atonement" como segunda opção.

Abraço!

 
At 10:57 PM, dezembro 14, 2007, Blogger Otavio Almeida said...

A indignação parece geral com a bagunça do Globo de Ouro...

Marcus e Vinicius, eu acho que dá DESEJO E REPARAÇÃO e SWEENEY TODD.

Abs!

 

Postar um comentário

<< Home