terça-feira, dezembro 04, 2007

Começa a temporada de prêmios


Hollywood já está agitada para o início da temporada de prêmios. Muitos sites, revistas, blogs e jornais especulam o ano inteiro se um filme tem chances no próximo Oscar. Às vezes, a mania beira o absurdo, pois trailers e comentários de bastidores são suficientes para determinar se uma produção tem (ou não) cara de Oscar. Virou bagunça mesmo.

Enfim, existem muitos prêmios e isso chega a confundir a cabeça. Acho que a vontade dos jornalistas (e dos sindicatos) em influenciar (ou superar) a Academia é tanta, que grandes filmes como O Segredo de Brokeback Mountain acabam prejudicados. Naquela ocasião, enquanto a maioria das associações escolheu o filme de Ang Lee, o Oscar deu uma rasteira nos caubóis e premiou Crash. Talvez a mesma coisa tenha acontecido neste ano, quando a Academia escolheu Os Infiltrados. É o jeito do Oscar dizer: "Sou eu quem mando aqui!"


A lista da associação National Board of Review será divulgada amanhã. Seus integrantes não são críticos de cinema, mas formadores de opinião como professores, advogados e jornalistas. Desde 2001 que o vencedor do prêmio de Melhor Filme da NBR é indicado (mas não leva) o Oscar da mesma categoria. Em 2005, o favorito da NBR foi Boa Noite e Boa Sorte, enquanto em 2006, o preferido foi Cartas de Iwo Jima.

Ainda teremos as escolhas dos críticos de Nova York (NY Film Critics Circle) e Los Angeles (LA Film Critics Association), além das indicações ao Globo de Ouro na próxima quinta-feira, dia 13 de dezembro.

Entre os filmes favoritos da crítica em 2007 estão Desejo e Reparação (FOTO), de Joe Wright, There Will Be Blood, de Paul Thomas Anderson, Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet, de Tim Burton, Onde os Fracos Não Têm Vez, dos irmãos Coen, Juno, de Jason Reitman, O Gângster, de Ridley Scott, e Antes que o Diabo Saiba que Você Está Morto, de Sidney Lumet.

Daniel Day-Lewis (There Will Be Blood) e Johnny Depp (Sweeney Todd) são nomes fortes entre os atores, assim como Tommy Lee Jones (No Vale das Sombras). Mas eu adoraria ver Emile Hirsch ganhar por Into the Wild, de Sean Penn. Na ala feminina, a francesa Marion Cottilard (Piaf - Um Hino ao Amor) ainda é favorita, mas seguida de perto por Julie Christie (Away From Her). A garota prodígio Ellen Page pode surpreender com Juno, já que foi esnobada por sua sensacional performance em Menina Má.Com.

3 Comments:

At 8:52 PM, dezembro 04, 2007, Blogger Kamila said...

Ainda temos as indicações ao Broadcast Film Critics Association Awards, no dia 11 de Dezembro.

Ellen Page vai surpreender, mas não vencer. O Oscar vai ficar mesmo entre Christie e Cotillard. Acho que Laura Linney pode ser uma zebra.

 
At 10:52 PM, dezembro 04, 2007, Blogger Otavio Almeida said...

É mesmo.. Broadcast Film Critics... Obrigado!

Bjs!

 
At 1:34 PM, dezembro 05, 2007, Blogger Vinícius P. said...

Adoro essa temporada, não há melhor época do ano! Quanto à lista do NBR, acredito que "There Will Be Blood" possa surpreender, já que eles sempre vão por um caminho diferente do Oscar (quanto ao vencedor). Torço para "Atonement" e "Sweeney Todd", mesmo sem ter visto.

Quanto à questão da Academia querer ser diferente dessas outras premiações, acredito que seja verdade mesmo. Muitas vezes, tentando ir por um caminho diferente, deixam de premiar aqueles que realmente merecem.

Gosto da Ellen Page, mas não de "Menina Má.com".

 

Postar um comentário

<< Home