terça-feira, março 17, 2009

Breve hiato na justificada arrogância cinéfila


Como cinéfilo que vive no Brasil, eu admito odiar os meses de março e abril. A culpa é desse espaço desnutrido entre os filmes do Oscar e a avalanche do verão americano. Para mim, antes de ser uma obrigação, ir ao cinema é um vício, e como um urso no inverno, retiro-me para a caverna neste período. Chega a dar um desânimo, pois todo ano é a mesma coisa. A secura é tão caótica que eu juro aqui diante de vocês que eu até toparia encarar O Dia em que a Terra Parou e ver Keanu Reeves ser o carro-chefe da avacalhação geral com um dos melhores filmes de todos os tempos.

Se bem que, desta vez, decidiram jogar filmes oscarizáveis como Quem Quer Ser um Milionário? e Frost/Nixon para os meses das vacas magras. Embora não dê para aliviar a barra das distribuidoras, afinal foi uma falta de consideração com cinéfilos de carteirinha falsa da UNE lançar os dois filmes após a festa da Academia, isso pode ter ajudado a salvar março e abril.

Do ponto de vista da bufunfa, a estreia de Quem Quer Ser um Milionário?, com um elenco de ilustres desconhecidos, até que foi uma estratégia e tanto para chamar público. Todo pimpão com seus oito Oscars, o filme de Danny Boyle só poderia render mais agora do que antes da maior festa do cinema. Antes, talvez perdesse em público para O Curioso Caso de Benjamin Button, que tem um nome como Brad Pitt, por exemplo.


Xiitas dirão que a obra-prima Watchmen está disponível para aqueles que procuram um bom cinema. Mas temos opções: Entre os Muros da Escola, vencedor da última Palma de Ouro chegou na semana passada. Atrasadíssimo, mas chegou. Sexta estreia Gran Torino, um dos melhores filmes de Clint Eastwood. Ou seja, ninguém precisa aliviar o vício gastando uma grana pra ver Dia dos Namorados Macabro 3D. Contenha-se, Irmão Cinéfilo, pois temos salvação. Se as distribuidoras escreveram certo por linhas tortas, eu não sei dizer. Mas que deu certo deu.

Será que perceberam que muita gente fica em casa pra ver TV por assinatura? Março é o mês que traz novas temporadas de séries adoradas como Lost e 24 Horas. Talvez seja tudo política com todo mundo amiguinho e tomando um choppinho na orla. Não sei, mas que deu certo deu. Seria uma alternativa para driblar a crise econômica? Pode ser, mas que deu certo deu. Esse ano, pelo menos, não precisamos fazer aquele breve hiato em nossa justificada arrogância cinéfila acostumada com grandes filmes e à espera de outros mais.

Ainda acho que esse ano promete. Teremos Public Enemies, filme de máfia do Michael Mann, Inglorious Basterds, do Tarantino, e Shutter Island, do bom e velho Marty Scorsese. Teremos mais e melhores da Pixar. Até um Star Trek decente depois de muito, muito tempo. Tanta coisa legal até fechar o ano com a volta de James Cameron, com o mega-ultra-misterioso Avatar.

Mesmo no ano da crise, estarei na fila de todos esses filmes fazendo a minha parte como cinéfilo preocupado com a sétima arte, mas sem ignorar os efeitos da marolinha do holocausto econômico que atinge o Brasil. Portanto, amigos, nada de pirataria. Vamos ao cinema, pois temos filmes de todos os tipos.

8 Comments:

At 11:06 PM, março 17, 2009, Blogger Pedro Henrique said...

Maravilha, Otávio. Sem mais delongas, no momento. Continuo na expectativa por Avatar.

 
At 1:23 AM, março 18, 2009, OpenID denistorres79 said...

Concordo com você. Esses meses costumam ser fracos e torturantes para os viciados como nós. E aguardo a sua crítica do maravilhoso HUD, Otávio De Wilde. Ou seria Otávio Lonnie?

 
At 11:41 AM, março 18, 2009, Blogger Weiner said...

Adorei seu texto, parabéns! É verdade que temos um mês de março mais decente em anos, com ótimas estreias do calibre de "Slumdog" e "Frost Nixon".
Eu particularmente detesto pirataria, não troco cinema por nada. Mas existem alguns filmes muito alternativos que não estreiam aqui na minha cidade de jeito nenhum (esse "Entre Os Muros da Escola" é um). Então acabamos tentados a recorrer a outros meios para conferi-los.
Um abraço, Otávio!

 
At 12:24 PM, março 18, 2009, Blogger john said...

realmente o ano promete, mesmo com essa "parada" em filmes nos meses de março e abril. Mas temos muito a ver em 2009.

abraçus

 
At 2:26 PM, março 18, 2009, Blogger Museu do Cinema said...

Realmente Otávio, agora até o fim do ano é só ruindade! Mas acho que a culpa é nossa q damos essa bola toda ao Oscar. Se considerassemos outras festas como Cannes por exemplo, teriamos outro pico no meio do ano de filmes fabulosos.

 
At 2:28 PM, março 18, 2009, Blogger Museu do Cinema said...

Ahh, te respondi lá no Museu, não diga que vc leu que Hitchcock fez parte do Free Cinema que os cinéfilos me matam por essa barbaridade ignorante!

 
At 8:45 PM, março 18, 2009, Anonymous Kamila said...

Apesar de morar em uma cidade com péssima distribuição de filmes, eu sou totalmente contra pirataria. Nada tira de mim a sensação de querer assistir a um filme na tela escura! :-)

Beijos! E parabéns pelo texto!!

 
At 1:00 AM, março 19, 2009, Anonymous Vinícius P. said...

Também acho que o ano promete e aguardo por todas essas produções que você citou, em menor ou maior grau. Realmente temos muitos motivos para ir às salas de cinema em 2009.

 

Postar um comentário

<< Home