quinta-feira, abril 24, 2008

Antes de Partir


Antes de Partir (The Bucket List, 2007) faz parte de um ciclo enganador planejado por Hollywood. Volta e meia, os estúdios criam certos "filmes do bem", que enganam e conquistam o público em geral. Esse é um deles.

Muitas pessoas confundem tais produções com bons filmes, mas na verdade, estão longe disso. Esse fenômeno (ou praga) ocorre nos cinemas uma vez a cada um ou dois anos. São filmes com elencos caros e roteiros fracos, mas que acertam em cheio em algum ponto fraco emocional da Humanidade por tratarem de temas "do bem" e lembrarem que a vida é curta e precisa ser aproveitada intensamente. O público adora, mas os críticos detestam. Dois exemplos: Patch Adams e A Corrente do Bem.

Desta vez, o produto vem numa bela embalagem, afinal temos Jack Nicholson e Morgan Freeman. E o diretor é Rob Reiner, que fez Harry & Sally. Como os filmes citados acima, a intenção de Antes de Partir é boa. Mas de boas intenções, o inferninho do cinema está cheio. Um dos problemas de Rob Reiner é a sua mania de tentar repetir a leveza de Harry & Sally em filmes diferentes, quando seus melhores trabalhos foram produções fortes como Conta Comigo, Questão de Honra (também com Nicholson) e Louca Obsessão. Mas, infelizmente, ele quer ser o Rob Reiner do bem. Harry & Sally foi ótimo, principalmente naquela famosa cena que deixa os homens com medo. Mas vire a página, Sr. Reiner. Siga em frente.

E não é a trama de Antes de Partir que comparo a Harry & Sally, mas falo de sua leveza mesmo. Neste filme, Rob Reiner tratou um tema complicado, difícil (a morte) de forma leve. Essa é a história dos últimos dias de vida de Edward Cole (Jack Nicholson), o dono milionário de uma rede de hospitais, e do humilde mecânico Carter Chambers (Morgan Freeman). Graças ao dinheiro do ricaço, os pacientes em estado terminal viajam pelo mundo e aproveitam seus momentos finais.

Não sei o que o roteiro de Justin Zackham pretendia, mas nas mãos de Rob Reiner, Antes de Partir ganhou um tratamento esquizofrênico no equilíbrio entre drama e comédia. Seria injusto dizer, no entanto, que o diretor esbarra no sentimentalismo barato - até porque alguns momentos são até pesados ou sérios demais. E em outras partes, o filme conquista a atenção do público pelo bom humor de Jack Nicholson e Morgan Freeman. Mas o equilíbrio jamais é alcançado. De repente, no finzinho, vem aquela mensagem edificante (e óbvia) para cada um curtir sua vida da melhor maneira possível. Mas acho o recadinho meio falso, afinal Antes de Partir mostra que só quem tem dinheiro é capaz de morrer feliz.

Ainda assim, a trama cairia como uma luva para um cineasta como Frank Capra, que sempre manipulou as emoções de uma maneira suave, mas original, sincera. Só que Reiner não é Capra. E fala sério: se Antes de Partir não tivesse Jack Nicholson e Morgan Freeman, este seria um filme esquecível ou ignorado pela maioria dos cinéfilos. Aliás, peço desculpas, mas preciso citar Morgan Freeman como narrador oficial de Hollywood. O ator se tornou uma espécie de Cid Moreira americano. Seu vozeirão narra Um Sonho de Liberdade, Seven, Menina de Ouro, Guerra dos Mundos (Freeman nem aparece, mas sua voz sim) e Antes de Partir. Devo ter esquecido algum título, porque isso já virou clichê.

Maldades à parte, o fato é que nenhum filme protagonizado por Morgan Freeman e, principalmente, Jack Nicholson deveria ser reconhecido como uma experiência ruim ou decepcionante. Mas o desleixo de Rob Reiner é tão evidente em sua direção burocrática, que fica a impressão de que ele quis apenas realizar um desejo de vida: trabalhar novamente com o grande Jack Nicholson antes de partir.

Antes de Partir (The Bucket List, 2007)
Direção: Rob Reiner
Roteiro: Justin Zackham
Elenco: Jack Nicholson, Morgan Freeman, Sean Hayes, Beverly Todd e Rob Morrow

14 Comments:

At 12:53 AM, abril 25, 2008, Anonymous Denis Torres said...

É verdade Otávio, a sensação é de puro desperdício, ainda mais quando há uma rara oportunidade de juntar 2 grandes atores. Morgan Freeman é realmente o "Cid Moreira" dos EUA há tempos, inclusive ele empresta sua voz encorpada e serena em diversos documentários sobre a história americana. Abs.

 
At 8:43 AM, abril 25, 2008, Anonymous Wally said...

Finalmente! Alguém que concorda comigo! Não acho uma tragédia, mas, tirando os dois atores, NADA no filme me convenceu. TUDO soou falso. Emoção é algo nulo durante a sessão, pelo menos para mim.

Eu daria 2 estrelas, por causa do humor, dos atores e as boas intenções. Mas nada mais.

Ciao!

 
At 9:56 AM, abril 25, 2008, Blogger Lucas Santtos said...

Eai cara... Eu gostei muito do seu texto. a ultima vez que eu fui ao cinema [que faz até um tempinho :P] Esse filme ainda estava em cartaz. ele ficou um bom tempo por aquii! Eu confesso que nao assisti por um pré-julgamento, não gostei foi da capa do filme! HASUDHUSHD" e tb Não gosto de Morgan Freeman! Mais sabe que agora ao ler seu texto até meu deu um pouqinho de curiosidade e estou querendo ver! RSRSRSR!!!

Passa la tb!!!

 
At 11:34 AM, abril 25, 2008, Blogger Pedro Henrique said...

Diversão comum, tendo como ponto forte os atores principais.

Abraço!!!

 
At 12:38 PM, abril 25, 2008, Blogger Romeika said...

Otavio, muito bem argumentado esse texto, tanto que me fez refletir sobre a minha opiniao sobre o filme, e acho que eu fui um desses espectadores "enganados" ao fim. Mas com esses dois no elenco, penso que eu nao fui uma das unicas pessoas que teve essa sensacao de "filme ok" ao fim. Realmente sem a dupla de protagonistas, o filme passaria batido.

 
At 1:22 PM, abril 25, 2008, Anonymous Rodrigo Azevedo said...

Eu confesso que não estava preparado pra primeira parte desse filme (achei um pouco pesada, nao sei). De um modo geral não posso dizer que não gostei. Mas o filme ficou longe de ter me agradado (apesar de Nicholson e Freeman). Esquecível...

 
At 1:51 PM, abril 25, 2008, Blogger Hypado said...

Impressiontante. Basta dar minha ficha técnica deste Antes de Partir:

Direção: 10.0
Atores: 10.0
Roteiro: 9.5

Pronto, meu gosto é diferente da maioria dos cinefilos.

Este por min é melhor que os SUPERestimados Sangue Negro, Juno e Familia Savage.

Gosto é gosto.

 
At 3:10 PM, abril 25, 2008, Blogger Museu do Cinema said...

O filme já vale pelo Jack, mas acho que é uma comédia boazinha!

 
At 4:28 PM, abril 25, 2008, Blogger Kamila said...

O seu texto está excelente, mas acho que fui totalmente enganada por esse filme. Acho que Rob Reiner equilibrou bem o drama com a comédia e o resultado é um filme que comove e que nos deixa uma mensagem bonita.

Beijos.

 
At 6:50 PM, abril 25, 2008, Anonymous Vinícius P. said...

Realmente o Rob Reiner não apresenta um trabalho relevante há um bom tempo. "Antes de Partir" parece ser uma dramédia que não traz nada de novo e por isso mesmo deve ser descartada - de qualquer forma verei em DVD.

 
At 11:08 PM, abril 25, 2008, Blogger Weiner said...

Eu gostei de "Antes de Partir"... Pelo menos lembro de uma lágrima rolar ao fim da sessão. :-(
O roteiro é tão simpático...
E o freeman e o Nicholson fazem bem seus trabalhos de casa.
Nota: 7,5
Abraço!

 
At 12:42 PM, abril 26, 2008, Blogger Otavio Almeida said...

Denis, pelo menos, o Morgan Freeman é um grande ator.

Lucas, obrigado! Seja bem-vindo! Vou dar uma olhada no seu blog, obrigado!

Pedro, é divertidinho sim. Mas...

Muito obrigado, Romeika! Mas não quero destruir seus sonhos... :)

Rodrigo e Cassiano, o filme vale pela dupla principal mesmo. Não tem jeito.

Hypado, gosto é gosto mesmo. Respeito sua opinião. É assim mesmo.

Kamila, obrigado! Mas espero que ninguém tenha levado a mal a palavra "enganador".

Vinicius, não tem problema algum esperar pelo DVD. Faça isso.

Weiner, acho que o filme é de uma emoção fácil. Digo que é fácil se emocionar, entende? Mas o filme deve ter qualidades que eu não vi. Como sempre, respeito sua opinião.

Abs! E bom final de semana!

 
At 10:13 PM, abril 26, 2008, Anonymous Wally said...

Poxa, só eu não tive resposta. :(

 
At 11:30 AM, abril 27, 2008, Blogger Otavio Almeida said...

Hahhahahahhahaha... Desculpa, Wally! É verdade! Esqueci!

E eu concordo 90% com vc! Pq dei uma estrelinha...

Grande abraço!!!!

 

Postar um comentário

<< Home