quarta-feira, junho 24, 2009

Transformers: A Vingança dos Derrotados


Confesso que me diverti bastante com a correria e a pancadaria entre os robôs de Transformers, filme de 2007, dirigido pelo arquiteto da destruição Michael Bay. Ao contrário de muita gente que cobra cinema de arte do diretor de A Rocha, Armageddon, A Ilha e Bad Boys, eu já sabia que estaria diante de efeitos visuais e sonoros magníficos, belas garotas, muita ação, explosões, poeira, luz do sol estourando na tela, barulho, ode aos militares e suas parafernálias, câmera girando em torno dos personagens, cortes The Flash, enfim, isso é Michael Bay.

O filme tem qualidades, mas também apresenta (muitos) defeitos. Numa sequência inevitável, o natural seria esperar de Michael Bay um cara mais atento às críticas, sugestões, ou pelo menos, que ele fosse capaz de tomar um simancol e fazer de Transformers: A Vingança dos Derrotados (Transformers: Revenge of the Fallen, 2009) uma continuação mais ousada, concentrada nos acertos do primeiro filme. Mas Michael Bay é um sujeito egocêntrico. Ele fez exatamente o inverso. O que estava bom, sumiu. O que estava ruim, não duplicou, mas triplicou. Cenas de ação longas, ensurdecedoras e visualmente poluídas? Confere. Lindas mulheres tratadas como objetos? Confere. Cacoetes artísticos de Michael Bay? Confere. Roteiro sem vergonha? Confere. Está tudo lá, mas elevado ao cubo.

E para jogar a podridão de vez no ventilador, o diretor ainda tem a cara de pau de deixar a exagerada quantidade de robôs de castigo em vários momentos. Os verdadeiros astros são (nesta ordem) os militares, Shia LaBeouf, Megan Fox e os Autobots. Cacete! Se é uma porcaria, bem que a gente poderia se divertir com a robozada com alguma dignidade. O maior problema de A Vingança dos Derrotados não está nos pobres Transformers. São os humanos canastrões e as manias do diretor que fazem deste filme o lixo mais caro e barulhento da história do cinema.



Para ilustrar o drama, dê uma olhada nos gentis, delicados, contidos e educados "spoilers" a seguir. Desculpe-me, mas eles explicam tudo:

Megan Fox surge em cena com um shortinho generoso, em cima de uma moto, e com a bunda empinada pra câmera de Michael Bay.

Sam (Shia LaBeouf) deixa cair um fragmento do cubo Allspark, o MacGuffin do filme anterior, que estava em sua camisa usada no final do longa de 2007. Detalhe: Passaram-se dois anos.

Sam namora a gatíssima, porém doce Mikaela (Megan Fox) e não tem certeza se ela é a mulher de sua vida. Ok, vai, isso acontece. Vou fingir que acredito.

No primeiro encontro entre os dois, Mikaela troca de roupas no jardim da casa de Sam. Mesmo com a presença de vários transeuntes.

A mãe de Sam envergonha o filho na faculdade ao degustar um docinho de maconha, dominando alguns minutos do filme num escândalo sem a mínima graça.

O chihuahua da família se 'diverte' com outro cãozinho. Isso aparece, pelo menos, duas vezes.

Sai um rabo mecânico do fiofó de uma bela garota. Sério. É a estupradora do futuro. Nem os irmãos Wayans, de 'Todo Mundo em Pânico' e 'As Branquelas', teriam pensado em algo tão genial.

Lá pelas tantas, senhoras e senhores, o 'forevis' de John Turturro, ele mesmo, o grande ator de 'Barton Fink', aparece decorado com uma cueca tosca e enfiadinha.

Um robozão idoso volta à ativa e distribui flatulências de outro mundo.

Ao contrário do primeiro filme, que tinha 1/3 dos robôs apresentados em 'A Vingança dos Derrotados', é praticamente impossível guardar os nomes e as 'caras' dos novos Autobots e Decepticons. É uma overdose.

Os pequenos robôs gêmeos que seguem Sam, Mikaela e Bumblebee são irritantes. Fazem Jar Jar Binks parecer tão sério quanto o saudoso Paulo Francis.

Um robozinho minúsculo gruda na perna de Megan Fox, como um cachorrinho tarado.

Depois de uma queda vertiginosa, Megan Fox cai de cara nos países baixos do amigo latino de Shia LaBeouf.

O amigo latino (medroso) de Shia LaBeouf honraria Zacarias com seus 'ai, ai, ai, ai...', 'ui, ui, ui, ui...'

O maldito líder dos Decepticons diz que só pode ser destruído por um Prime. Dã! Qual é mesmo o nome do líder dos Autobots?

O título original até pode ser traduzido como 'A Vingança dos Derrotados', mas 'Revenge of the Fallen' remete a um Decepticon chamado... Fallen. Então, hmm, trata-se da vingança deste robô, certo? A tradução brazuca vacilou no melhor estilo 'O Retorno de Jedi', um dos títulos nacionais mais equivocados de todos os tempos. Com conhecimento de causa, 'Return of the Jedi' significa 'O Retorno dos Jedi' e não de um especificamente. Ok, a culpa não é de Michael Bay neste caso.

Todos os robôs merecem o Céu... Cara, Michael Bay inventou um Céu para os robôs mortos. Fantástico! Deus criou os Transformers à sua imagem e semelhança.

O filme tem 147 minutos! O clímax dura cerca de meia hora. Em sua maior parte, os militares comandam o show com Sam e Mikaela correndo pra lá e pra cá. Quando os Autobots chegam pra pôr ordem no pedaço, os super marines já cuidaram de praticamente tudo.

Sinceramente, esse tesão pelo exército americano já está um tanto over na era Obama, não?

Aliás, Barack Obama manda um almofadinha atrapalhar a batalha dos Autobots. Obama? Really?

Shia LaBeouf precisa aprender com Jim Carrey como se faz caretas sem cair no ridículo.

O robô Devastator é um gigantesco aspirador ambulante que suga tudo pela frente. Menos John Turturro.

A cena final é quase idêntica ao último segundo do primeiro filme. E com outra música do Linkin Park.

E o final dá margem para um terceiro filme, claro.




Como num clássico do nosso futebol, Transformers: A Vingança dos Derrotados é decidido nos detalhes. Leia: Nos erros. Resumindo, este é o pior filme do ano. E o mais vergonhoso da carreira de Michael Bay, o que não é pouca coisa. Se eu não aguentei, imagine você.

Transformers: A Vingança dos Derrotados (Transformers: Revenge of the Fallen, 2009)
Direção: Michael Bay
Roteiro: Ehren Kruger, Roberto Orci e Alex Kurtzman
Elenco: Shia LaBeouf, Megan Fox, Josh Duhamel, Tyrese Gibson, John Turturro, Isabel Lucas, Ramon Rodriguez, Kevin Dunn e Julie White

9 Comments:

At 6:26 PM, junho 24, 2009, Blogger Bruno Soares said...

Pq os filmes do Bay precisam ser tão longos (além de medíocres)? E Obama?! Credo! Vou me preparar psicologicamente pra tentar sobreviver a esse.

Abração!

 
At 6:28 PM, junho 24, 2009, Blogger Otavio Almeida said...

BRUNO
Obama não aparece, mas é citado. Abs!

 
At 7:14 PM, junho 24, 2009, Anonymous Denis Torres said...

Isso sim é filmeco!rs

 
At 9:19 PM, junho 24, 2009, Blogger Flávia said...

Pra alguma coisa serviu: pra render essa crítica hilária! Bjs

 
At 12:42 PM, junho 25, 2009, Blogger john said...

amigo, tu aind aesqueceu o lumpa lumpa da fantastica frabrica de chocolates,e o robo com testiculos...o filme ruim, parece q pegaram tudo de ruim dos outros filmes, botaram em um liquidificador cheio de robos, misturaram tudo e jogaram na tela do cinema. horrivel.

Ps. Ri muito com a sua critica
abraços

 
At 11:57 PM, junho 25, 2009, Anonymous Vinícius P. said...

Ri alto agora, hahahaha. Não fiquei NADA chateado com esses "spoilers", até porque já é de se esperar coisas como essa num filme do Michael Bay. Eu já não vi grande coisa no primeiro, nesse então...

 
At 10:29 AM, junho 26, 2009, Blogger Line para os íntimos. said...

Mas o melhor dos filmes de Michael Bay e a destruição... Gosto de transformes pelos efeitos especiais e a porradaria. Sem esquecer que sou fã de Linkin Park.

E um monte de lata falante e se destruindo combina bem com o new metal.

 
At 11:54 AM, junho 26, 2009, Blogger Mayara Bastos said...

UAU! Achei uma crítica hilária e bem informativa. Incrível como este "Transformers" está recebendo muitas resenhas negativas. Apesar que não tenho muita vontade de ver o filme e ainda bem que o meu irmãozinho que gostou bastante do primeiro, não está muito entusiasmado para ver, já que alguém tinha que acompanhá-lo. rsrs

 
At 1:30 PM, junho 28, 2009, Blogger Johnny Strangelove said...

Se quiser jogar fora o seu senso critico cinematografico novamente ... Veja Transformers 2 ... é a sintese de como boas ideias pode se tornar pó de Matriz ... eeheheh

Ainda tenho pesadelos do que eu vi ... pelo menos só nao é pior do que wolvi e o dia em que a terra parou por que tem MEEEEGAN FOOOOOOOX

 

Postar um comentário

<< Home