terça-feira, abril 29, 2008

Aos fãs de Keanu Reeves


Primeiramente, sejam bem-vindos! Como vocês ficaram bravos comigo na crítica de Os Reis da Rua, sinto-me na obrigação de reconhecer a importância de Keanu Reeves na história do cinema.

O Sr. Reeves foi ninguém menos do que o herói mitológico da década de 1990. É inegável que Neo, o protagonista de Matrix, marcou o cinema de ação, aventura e, principalmente, ficção científica. Na fantasia dos Irmãos Wachowski, não importa se o Sr. Reeves é bom ator ou não. Do mesmo modo como não vale bater em Mark Hamill, o eterno Luke Skywalker, de Star Wars. Ou Harrison Ford, que apesar de considerado como "astro do século" (passado), ele jamais foi admirado como um ator de primeira linha. Astro, mas não ator.

Quem se importa, não é verdade? Muitos atores passam a vida inteira tentando, mas não têm a sorte (ou o mérito) dos exemplos citados: Keanu Reeves, Harrison Ford e Mark Hamill. São nomes que viverão para sempre no imaginário e no coração dos cinéfilos. Independentemente de outros aspectos analisados, eles são reconhecidos pelo brilho natural na tela. Isso é heroísmo.

Mas diferente dos astros acima, Johnny Depp já era respeitado como ator antes da explosão de Piratas do Caribe. Tobey Maguire também tinha um certo reconhecimento antes de Homem-Aranha. Pode ser o caso de Robert Downey Jr, após Homem de Ferro, que estréia amanhã no País. Mas não importa. Tais nomes marcaram personagens inesquecíveis na galeria de heróis do cinema. Isso basta.

Acho que os melhores filmes da carreira do Sr. Reeves são Drácula de Bram Stoker e, claro, Matrix. Confesso que também gosto de Matrix Reloaded, mas quebrei a cara no terceiro. Com isso, o episódio do meio ficou um tanto... inacabado.

Só acho que o Sr. Reeves poderia ser muito mais do que ele é. Suas escolhas pós-Matrix não foram tão memoráveis. E como astro em Hollywood, ele pode selecionar o roteiro que bem entender. Por exemplo, O Homem Duplo é um trabalho intrigante de Richard Linklater, mas as histórias de Philip K. Dick já tiveram dias melhores no cinema. Já Constantine, que também tem bons momentos, não passa de um filme (no máximo) mediano.

Mesmo assim, antes de Os Reis da Rua (e Matrix), Keanu Reeves foi heróico tanto na pele de protagonista de Velocidade Máxima quanto em dizer "não" para a seqüência ridícula com Sandra Bullock, Jason Patric e... Carlinhos Brown. Ou seja, ele até que cuidou bem da carreira até chegar a Matrix.

O Sr. Reeves tem status, mas precisa fazer grandes filmes. É a velha cobrança de sempre. Não adianta somente atuar ao lado de nomes como Jack Nicholson, Diane Keaton, Forest Whitaker e Hugh Laurie. Ele precisa justificar esse status de astro em bons filmes. Atuação pode até ser um detalhe na vida de um astro, mas veja só o Johnny Depp - ele não será somente o Jack Sparrow, de Piratas do Caribe. E não sei se Keanu Reeves ainda voltará a ser Neo, como Harrison Ford fez com Indiana Jones. Então, a hora para provar aquilo que falta em sua carreira é agora.

Para mim, Neo é o bastante. Em Matrix, Keanu Reeves é sensacional. Não imagino outro ator em seu lugar. Sua contribuição como o grande herói do cinema nos anos 1990 será idolatrada para sempre. Mas a discussão iniciada com a crítica de Os Reis da Rua continua no próximo filme de Keanu Reeves.

25 Comments:

At 7:15 PM, abril 29, 2008, Anonymous o cara da locadora said...

Ahn, eu concordo plenamente com o que você diz. Eu entendo perfeitamente os fãs do Keanu mas acho ele um atorzinho bem meia boca (nem foi isso que vc falou, hehe)... Eu coloco na lista de filmes bons dele o "Advogado do Diabo" que eu acho sensacional... abraços

 
At 9:28 PM, abril 29, 2008, Anonymous Anônimo said...

Olá, boa noite :)

Bom texto, mas penso que a comparação de Keanu Reeves e Harrison Ford com Mark Hamill é injusta. Tanto Keanu como Harrison, apesar de ainda não serem reconhecidos como grandes "atores", criaram alguns dos mais icônicos personagens de ficção e aventura do cinema, Keanu com Ted Logan e Neo e Harrison com Han Solo e Indiana Jones. Mark Hamil criou Luke Skywalker e mesmo assim quase foi encoberto por Solo e seu Chewbacca. Hamil só é bom dublando mesmo.

Keanu tem ainda uma vantagem sobre Harrison, ele consegue ser um bom leading man em filmes românticos o que para Ford sempre foi missão impossível. E os melhores personagens de Keanu estão em filmes pequenos e independentes, como em Garotos de Programa, do Van Sant, Te Amarei até te Matar, de Lawrence Kasdan e Scanner Darkly de Richard Linklater. Cara, dá uma olhada no currículo de diretores e filmes do Keanu? É impressionante.

Eu acho que a crítica acostumou-se a cobrar demais Keanu, a compará-lo demais com os outros e esquecer que, afinal, ele é ele mesmo e está em uma categoria toda própria. Ele é muito low-key e nunca responde às críticas, mas está sempre trabalhando com o que há de melhor em Hollywood. O que percebemos é que sua carreira vai dos ótimos filmes independentes e que quase ninguém vê aos super barulhentos blockbusters que o acabam marcando como astro sci-fi ou de ação. No momento já está lá de novo, filmando um independente com a Rebecca Miller como diretora, quando em dezembro estrela mais uma mega ficção. As pessoas acabam por não poderem associá-lo com apenas um estilo e isso nem sempre é positivo. Mas chamá-lo de mau ator quando esse cara fez todo mundo pensar que ele era 'igual' ao aloprado Ted Logan e depois todo mundo pensar que ele 'era' o super reservado Thomas Anderson, ou ver a sua interpretação em "Te Amarei até te Matar" e "Scanner (O Homem Duplo)" e dizer que ele não amadureceu é muito injusto. São totais extremos e só isso aí já deveria mostrar que há algo mais ali do que um belo rosto e um bocado de sorte.

Abraços
Sandra

 
At 10:37 PM, abril 29, 2008, Blogger Pedro Henrique said...

Não gosto desse fera aí, mas, como você, reconheço sua importância para à década de 90.

Abraço!!!

 
At 10:54 PM, abril 29, 2008, Anonymous Robson Saldanha said...

Keanu Reeves, ou talvez já deu o que tinha que dá ou ainda se mostrará melhor do parece ser. Acho que o problema dele seja que ele é de momento demais. Suas atuações nem sempre são das mais agradáveis, e apesar de você não ter citado, gostei dele A Casa do Lago.

Abraço!

 
At 12:20 AM, abril 30, 2008, Anonymous Vinícius P. said...

Desde o início vi que esse "Os Reis da Rua" não prestava, aliás o Keanu Reeves só participou de fitas esquecíveis nos últimos anos. Claro que sua participação em "Matrix" é suficiente, mas seu tempo já passou (assim como de uma dúzia de atores que dominaram os anos 90). Abraço!

 
At 12:29 AM, abril 30, 2008, Blogger Rodrigo Fernandes said...

Bem, eu não me encaixo no hall de blogueiros que ficaram bravos contigo, ehehhe... mas gosto do Keanu reeves, apesar de idolatra-lo mais por causa do personagem Neo do que por qualquer outra coisa.
acho legal alguns filmes dele: Constantine e a casa do lago... advogado do diabo tbm é bom... enfim, altos e baixos é normal para qualqeur ator, o problema é que parece que os mais afoitados ainda acham que ele virá com um personagem á altura ou até melhor do que fez em "matrix" - algo quase impossível se comparar suas ultimas aparições em filmes...
mesmo assim ainda faz filems bacanas, só irá carregar pro resto da vida o fato de ter sido o escolhido..rs
abraços, Otávio!!!

 
At 4:16 AM, abril 30, 2008, Blogger Isabela said...

Não vejo o Keanu como um grande ator, talvez até por ter tido poucas oportunidades de grandiosos papéis, mas não sei exatamente porquê, mas tenho certa simpatia por ele.

Beijos

 
At 8:32 AM, abril 30, 2008, Blogger Kamila said...

Concordo plenamente que Keanu Reeves poderia ser muito maior do que ele é. Mas, assim como você, acho que Neo é o bastante! São poucos os atores que possuem muitos papéis emblemáticos e o Reeves pode se orgulhar de ter feito parte de um filme que revolucionou o cinema.

O problema, e você cita isso no seu texto, é que ele poderia ter seguido um caminho completamente diferente. Mas, parece que ele se contenta mesmo em se repetir, em interpretar novamente tipos que ele conhece bem...

Beijos.

 
At 8:49 AM, abril 30, 2008, Anonymous Anônimo said...

Ele será o alienígena Klaatu no próximo "O Dia em que a Terra Parou". Pode estar aí o proximo 'Neo' em dezembro... vamos ver.

 
At 10:21 AM, abril 30, 2008, Blogger Daniell said...

Nossa, ninguém deveria ser obrigado a defender Keanu Reeves... :) Além disso diretores de peso já o escolheram né, como o Coppola (Drácula), Gus Van Sant (GArotos de Programa) e Bertolucci (Pequeno Buda). Agora, qual o criterio que esses diretores usaram para escala-lo eu não consigo imaginar. Pelo menos não depois de ter visto Bill & Ted. :)

 
At 10:23 AM, abril 30, 2008, Blogger fabiana said...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
At 10:27 AM, abril 30, 2008, Blogger fabiana said...

Keanu Reeves poderia ser grande, mas, para mim ele é um ator mediano. É um desperdício vê-lo em produções como 'Virando o jogo', por exemplo. Bem lembrada a recusa dele em fazer a continuação de Velocidade Máxima, que foi um lixo!

No mais, meu interesse por ele é puramente sexual! Hahahahahah

Keanu Pega EU!

 
At 11:20 AM, abril 30, 2008, Blogger Weiner said...

Bom, Otávio, meu caro, eu não ficaria bravo em nenhuma hipótese com seus comentários sobre "Os Reis da Rua". Perdi minha terça assistindo isto no cinema e de tão ruim que foi, nem consegui comentar direiro no post que acabo de fazer sobre o filme.
E Keanu Reeves pode até ser importante para o cinema, mas eu o considero medíocre. Péssimo ator.
Abraço!

 
At 11:44 AM, abril 30, 2008, Blogger Museu do Cinema said...

Fraquissimo ator, mas com um carisma impressionante!

 
At 11:45 AM, abril 30, 2008, Blogger Museu do Cinema said...

AH Otávio, vi Antes que o Diabo (numa pré-estreia pirata aqui em casa) e é sensacional.

Vi esse do Keanu tb pirata e é uma porcaria.

 
At 12:17 PM, abril 30, 2008, Blogger Poetrica said...

Otávio,
o Keanu Reeves (nome que encerra vários trocadilhos, a maior parte deles apropriados) está para o cinema assim como Matrix está para uma obra-prima: muy lejos. Ele, Kevin Coster, Morgan Freeman e Tony Ramos estão no mesmo caldo flácido de galãs de isopor.
Em tempo, Matrix é uma bobagem que será esquecida pelas próximas gerações... vai figurar entre os melhores videogames, ao lado de supermario e guitarhero. Mas sorry, its not about cinema. A propósito, não perca o filme do Seymour Hoffmanm, nem Estômago e nem Irina Palm. Bom feriado!

 
At 2:22 PM, abril 30, 2008, Anonymous Anônimo said...

Após quase 10 anos The Matrix continua atual e moderno, um dos mais belos filmes de ficção de todos os tempos. Não tenha dúvida, é um clássico e vai permanecer sim! Em qualquer pesquisa sobre clássicos do sci-fi que vc veja The Matrix está lá entre os primeiros, sem contar que o filme passou a ser base para todo e qualquer ficção que chegou ao cinema desde então. E Keanu ainda criou um novo super-herói que hoje faz parte do imaginário coletivo sim! Sorry haters, but The Matrix and Neo are forever!

 
At 2:36 PM, abril 30, 2008, Blogger Otavio Almeida said...

YES! THE MATRIX, o primeiro e originalíssimo de 99! Um dos grandes filmes da década (e da ficção científica).

Mas tenho medo da refilmagem de O DIA EM QUE A TERRA PAROU... Juro!

Valeu, amigos e inimigos de Keanu Reeves!!! Klaatu Barada Niktu! Bom feriado!

 
At 4:45 PM, abril 30, 2008, Blogger Altair Barboza said...

Oi, Otávio!

É com grande prazer que deixo aqui meus comentários, não exatamente sobre o Keanu (que eu considero um ator FRAQUÍÍÍÍÍSSIMO). Quero elogiar a sua iniciativa em criar um blog sobre algo que vc faz tão bem: escrever sobre cinema!
Parabéns! Sempre gostei de ler/ouvir os seus comentários consistentes e embasados sobre filmes, mesmo quando não estamos de acordo. Aliás, aproveitando o ensejo, não concordo com vc sobre a atuaçao do Sr. Keanu no filme "Drácula". Neste filme, considero o desempenho dele MEDÍOCRE. Que bom que havia um Gary Oldman e uma Winona Rider BRILHANTES para nos fazer esquecer que ele estava em cena, e tornar este filme uma experiência inesquecível!
Um forte abraço e bom feriado,
Altair.

 
At 7:39 PM, abril 30, 2008, Blogger Poetrica said...

Bem, sendo bastante pessoal agora: Matrix não é uma bobagem simples. É uma bobagem mal-intencionada, pois pretende - e pretender é palavra chave aqui - ser uma "obra metafísica chave" desta nosssa triste era pós-moderna. Matrix, com suas referências literárias e filosóficas rasas, quer " fazer a cabeça" de sua geração e pretende galgar alguma coisa no tal inconsciente coletivo. Petensão pura, o que faz muito mal para boa arte. Matrix se leva muito a sério- me lembro de um crítico que ansiava pela versão sem diálogos. Fará diferença? Heróis com os nomes Neo e Morpheus... Será que a geração pós- Kubrick não merecia filme de cabeceira melhor? Até o melado Blade Runner é melhor que o videogame Matrix. Mas estou sendo pessoal.

 
At 12:31 AM, maio 01, 2008, Anonymous Simone said...

The Matrix não é filme de referências rasas coisa nenhuma! Tem ótimas referências teóricas e é elemento essencial da nossa cultura sci-fi atual. Tem gente que adora criticar o filme e falar que é apenas mais uma obra pop e blablabla, como se intelectual bom não pudesse se dar ao luxo de consumir uma obra que sabe dosar o inteligente e o popular, mas qualquer um que preste atenção às suas referências, ao roteiro simples porém eficiente e aos mínimos detalhes que vão deixando pistas ao longo do filme original sabe que é muito mais inteligente do que parece na superfície. Mas esse tipo de crítica faz parte, afinal, tanto 2001 e Blade Runner foram maldosamente criticados na época em que foram lançados e apenas reconhecidos anos depois.

E quanto ao "O Dia em que a Terra Parou", não me preocupo com Keanu Reeves, eu acho que ele vai ser um Klaatu perfeito e tem tudo para até melhorar o personagem. Me preocupo com o diretor Scott Derrickson, que tem apenas "O Exorcismo de Emily Rose" no currículo, um filme muito bom mas na minha opinião ainda muito pouco para nos tranquilizar diante de uma refilmagem tão grandiosa como a desse clássico sci-fi. Mas antes que vejamos alguma coisa, não dá para julgar. Otávio, espero que vc comente aqui quando sairem as primeiras imagens e o trailer. Ah! E o Keanu é bom ator, assistam O Advogado do Diabo e O Homem Duplo para verem.

 
At 2:44 AM, maio 01, 2008, Anonymous Wally said...

Eu acho ele um tanto inexpressivo. Bom astro, ator péssimo. Uma pena, pois temos tantos desses...
Matrix é emblemático não por causa dele, a imagem dele ficou, por bem ou por mal.

Ciao!

 
At 3:30 PM, agosto 19, 2008, Anonymous ramini said...

Eu acho ele um exelente ator,pois eu assisti todos os filmes desde river's edgi ate street kings, e eu acho que voces estao sendo injusto com ele .
Eu nao falo isso e alem de ser otimo ator ele e um gato eke e meigo.

 
At 10:56 PM, janeiro 09, 2009, Anonymous H K Merton said...

Sobre o Keanu Reeves, é o seguinte: os filmes que ele fez são muito maiores do que ele próprio. Mesmo em "The Matrix", na minha opinião o melhor filme de ficção científica já produzido (apesar de achar a classificação insuficiente para o filme), a interpretação dele é pífia. A questão é que o roteiro do filme é tão bom, mas tão bom, que até ele acaba convencendo. Acho-o um ator bem fraco, e tenho certeza que outros poderiam ter feito um trabalho muito melhor.

que ocorre é que ele acabou por assumir a cara de um dos maiores personagens do cinema de todos os tempos, não tem jeito, já entrou para o inconscietne coletivo da humanidade, de modo que até imaginar algum outro astro na pele do Neo seria praticamente impossível.

E não podemos nos esquecer de outros grandes títulos que ele estrelou, como "O Advogado do Diabo", um thriller de respeito, na minha visão.

Mas achei no mínimo inadequada a comparação entre Reeves, Ford e Hamil, embora tenha entendido o raciocínio. Dos três, Ford é o melhor ator disparado, acho até covardia a comparação.

Só mais uma coisa, gostaria de deixar uma observação a um comentário feito aí atrás:

"Hamil só é bom dublando mesmo."

Caraca, que frase infeliz! Como é que uma pessoa que se considera cinéfila ousa entrar num espaço destes para falar em d u b l a g e m ?! Dublagem, meu amigo, para qualquer admirador da sétima arte que se prese, é crime inafiançável!

Abraço.

PS.: Tenho um blog que fala sobre espiritualidade. Se alguém se interessar em conhecer...

http://artedartes.blogspot.com/

 
At 2:02 PM, agosto 31, 2009, Anonymous Anônimo said...

o keanu não precisa ser um bom tor para atuar em grandes filmes pois por si só têm algo de extremamente atraente,um mistério...Ah! o keanu é tdb!

 

Postar um comentário

<< Home